Partido governista fará consulta online sobre processo contra vice-premiê

Os membros do Movimento 5 Estrelas (M5S), maior partido do Parlamento da Itália, farão nesta segunda-feira, 18, uma votação online para decidir sobre a abertura de um processo contra o vice-premiê Matteo Salvini, do partido ultranacionalista Liga, que é acusado de sequestro, abuso de poder e prisão ilegal.

Os integrantes do partido deverão responder a seguinte pergunta: "O atraso no desembarque do navio Diciotti, para redistribuir migrantes em países europeus, ocorreu para proteger interesses do Estado?". Caso a maioria vote "não", a autorização para abrir o processo será concedida. Se a resposta for "sim", Salvini não deve ser julgado.

A consulta tem potencial explosivo. Ao recusar o caso, o M5S estaria traindo um princípio do partido, de que políticos não merecem privilégios. Se o processo for adiante, há risco de implodir a coalizão de governo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.