Estudantes universitários protestam pela volta do transporte gratuito

(Foto: Creval Sabino/Rede Massa) - Estudantes universitários protestam pela volta do transporte gratuito
(Foto: Creval Sabino/Rede Massa)

Estudantes universitários protestaram em frente à Prefeitura de Sarandi, na tarde desta segunda-feira (18). Eles pedem a volta do transporte para os alunos que moram na cidade e estudam na Universidade Estadual de Maringá (UEM).

A manifestação reuniu quase metade dos 120 universitários da UEM que moram em Sarandi. Os acadêmicos ficaram sem o transporte gratuito do município, desde o ano passado, e pedem o apoio das autoridades. Alguns estudantes não sabem como irão continuar os estudos na cidade vizinha. A estimativa é que sem o transporte da prefeitura, cada aluno terá um custo de 190 a 240 reais por mês. Valor que nem todos têm como bancar.

O procurador do município, Fábio Navarrete, disse que o cancelamento foi para evitar denúncia de improbidade administrativa. 

Uma aluna reclamou que o transporte foi cortado pela administração municipal, em 2018, quando eles estavam de férias da UEM e outros estavam em semana de provas.

O protesto teve o objetivo de chamar a atenção da população e pedir a volta do serviço. O custo para o município era de cerca de 15 mil reais.

Informações Mariana Kateivas/Creval Sabino/Rede Massa